Cesar Cielo abre revezamento 4×50 m livre do Minas com índice para o Mundial

O velocista nadou os primeiros 50 m em 21s60, mas quer ser ainda mais rápido e volta à piscina neste sábado (20/12), para a prova individual
De olho em índice ainda melhor para o Mundial nos 50 m livre
De olho em índice ainda melhor para o Mundial nos 50 m livre
Rio – O velocista Cesar Cielo fez índice para o Mundial de Kazã, em 2015, nos 50 m livre, com 21s60, na abertura do revezamento 4×50 m livre, nesta quinta-feira (18/12), no Open de Natação, na piscina do Botafogo, no Rio. O índice exigido pela CBDA para que os nadadores integrem a seleção brasileira na distância é 22s27. A equipe Fiat/Minas levou a medalha de ouro, em 1min27s54, com Cesar Cielo (21s60), Felipe Martins (21s96), Ítalo Duarte (21s70) e Fernando da Silva (22s28). O Pinheiros ficou com a medalha de prata (1min27s58) e o Corinthians com a de bronze (1min32s00). Cielo volta à piscina do Botafogo neste sábado (20/12) para nadar os 50 m livre. “Eu estava tentando antecipar as minhas férias, mas não fiquei muito satisfeito com esses 21s60. Estou, sim, muito satisfeito com o índice e o tempo que eu fiz nos 50 m borboleta, de 21s91, mas acho que nadei esses 50 m livre de um modo muito controlado. Vou ter de adiar as minhas férias para depois de sábado. Se eu tivesse feito 21s50, estaria mais satisfeito”, disse Cesar Cielo. O velocista já tem índices para o Mundial de Kazã nos 50 m borboleta e nos 100 m livre (48s58, na abertura do revezamento). Cesar Cielo acha que nadou de forma muito conservadora os 50 m livre na abertura do revezamento. “Tenho de ser um pouco mais agressivo. Sobrei no final. Acho que é essa transição da piscina curta (treinou para o Mundial em Piscina Curta de Doha, no Catar, nos últimos meses) para a piscina longa.” Cesar Cielo fez um balanço positivo de 2014. “Gostei das decisões que tomei nesta temporada. Ganhei a minha nona medalha de ouro em provas individuais e a 16ª da minha carreira em Mundiais. Daqui para a frente, é ganhar tudo o que eu puder para deixar a minha carreira o mais colorida possível”, afirmou. Cesar Cielo é atleta da Fiat/Minas, equipe de natação do Minas Tênis Clube, tem patrocínio de Gatorade, adidas, Embratel, Furnas, Fiat e Correios e apoio do Bolsa Pódio/Ministério do Esporte.