Cielo nadará temporada 2010 pelo Flamengo

Campeão olímpico e mundial, que tinha vários convites, optou pelo clube carioca, que tem equipe de natação e projetos para a modalidade
  São Paulo – O campeão olímpico e mundial Cesar Cielo vai nadar a temporada de 2010 pelo Flamengo. Seus companheiros de treinamento em Auburn, Alabama (EUA), Henrique Barbosa e Nicholas dos Santos, também vão integrar a equipe de natação do clube carioca. Cielo, de 23 anos, tomou a decisão depois do encontro de seu pai e representante, Cesar Cielo, com a presidente do Flamengo, Patrícia Amorim, após conversar com a dirigente por telefone e informar os outros clubes dos quais tinha convite (a mãe, Flávia Cielo, gestora da carreira, está nos Estados Unidos). Cielo agradeceu especialmente ao Pinheiros, onde nadou por sete anos. Termina nesta quarta-feira (31/3) o prazo para que a transferência sem autorização do clube de origem seja feita e os atletas possam participar do Troféu Maria Lenk, de 3 a 9 de maio, em Santos (SP). “Quero que essa mudança seja a mais natural possível. Pesou o fato de a Patrícia Amorim ter sido uma nadadora olímpica no passado, alguém que conhece o esporte. Foi pela experiência que ela tem e a tradição do clube na natação. E pelos projetos legais que eles têm para a modalidade, que talvez eu possa ajudar com minha presença”, afirmou o nadador, confirmando que Henrique e Nicholas serão seus companheiros de clube. “É o trio, estamos juntos”. Todos eram nadadores do Pinheiros, estão treinando no grupo de estrangeiros da Universidade de Auburn e seguem como companheiros na temporada de clubes. Cielo disse que a qualidade técnica de sua preparação não deverá mudar. O brasileiro segue treinando com o australiano Brett Hawke, nos Estados Unidos, até o fim do semestre – sua principal competição no ano será o Pan-Pacífico de Irvine, na Califórnia, de 18 a 22 de agosto. No segundo semestre, voltará ao Brasil e fará parte do treinamento em São Paulo, onde vive, e parte no Rio, no Flamengo, dando continuidade ao ciclo olímpico até Londres/2012. “O Albertinho (Alberto Silva, com quem treina há sete anos e que o orientou até o recorde mundial dos 50 m livre, batido no fim de 2009) é meu técnico e a gente tem até agosto para definir como isso vai ficar. Mas faço questão de que os treinos sejam os que o Albertinho escrever. Hoje ele está no Pinheiros e acho que a saída será eu ter um personal trainer para passar os treinos que o Albertinho definir.” Cielo observou que, no Rio, esse personal poderá ser Marcos Aragão Veiga, o Marcão, que está no Flamengo. Marcão conhece Cielo e trabalhava com Albertinho até a temporada passada. “É um cara cabeça aberta, para frente, e sei que não terei problemas. Quando estiver em São Paulo vamos ver, mas a tendência é ter um personal e nadar numa academia. Poderemos usar algumas piscinas, vamos ver. Temos portas abertas em alguns lugares.” Cielo enfrenta Phelps no GP de Columbus Cesar Cielo segue para Ohio, nesta quarta-feira (31/3), para a disputa do Grand Prix de Columbus, a partir desta quinta-feira e até sábado (1 a 3/4), no McCorkle Aquatic Pavillion. Cielo tinha planejado nadar os 100 m borboleta, mas desistiu da prova por causa da atual fase de preparação, de treinos pesados. “Hoje eu parecia um piano. Acho que vou nadar mesmo só os 50 m e os 100 m livre para dar uma analisada na temporada, como estou me sentindo, minhas condições e o que preciso acertar para o Maria Lenk.” Cielo nada os 50 m livre, na sexta-feira, e os 100 m livre, no sábado, em piscina longa, com eliminatórias pela manhã e finais à noite (o SporTV2 mostra flashes da competição). Cesar Cielo acompanha a evolução dos tempos, no mundo, em suas provas, na temporada, como as seletivas australiana e holandesa. “Achei legal, mas até agora não vi nada de excepcional em termos de tempo. Vamos acompanhar o campeonato francês para ver como fica isso. O que eu vi de melhor até agora foram os 48s52 do Eamon Sullivan. Vamos seguir acompanhando.” A USA Swimming anunciou a presença dos olímpicos Michael Phelps, Eric Shanteau e Chloe Sutton, da seleção norte-americana de natação, em Columbus. O site do GP ainda destaca a participação dos também olímpicos Cullen Jones, Peter Vanderkaay e Kate Ziegler, assim como os medalhistas olímpicos Cesar Cielo e o australiano Markus Rogan. Phelps está inscrito nos 50 m e 100 m livre e poderá nadar contra Cielo. O brasileiro Henrique Barbosa também nadará contra Phelps, nos 100 m peito. Cielo nadou uma única competição na temporada, em Austin, no início de março, e  fez 22s13 nos 50 m livre e 49s13 nos 100 m livre. Cesar Cielo é campeão olímpico nos 50 m livre e medalhista de bronze nos 100 m livre, conquistas obtidas nos Jogos de Pequim/2008; campeão mundial dos 50 m e 100 m livre, com recorde mundial (46s91), em Roma/2009; recordista mundial nos 50 m, com 20s91, marca obtida no Open de Natação, em São Paulo/2009. Cesar Cielo é atleta do Flamengo e tem os patrocínios da Arena, Correios e TNT. Links da competição: http://www.swimnetwork.com/Events/Meets/2010/April/Columbus-Grand.Prix.aspx. http://www.usaswimming.org/USASWeb/_Rainbow/Documents/c1a7a8cb-1164-4819-af6f-e336ed96f5d1/2010%20Columbus%20Grand%20Prix%20Psych%20Sheet.pdf http://www.usaswimming.org/USASWeb/_Rainbow/Documents/231b116e-a98d-42d6-8196-c336207df7d9/2010%20Columbus%20Grand%20Prix.pdf</i>

Cielo nadará temporada 2010 pelo Flamengo

Campeão olímpico e mundial, que tinha vários convites, optou pelo clube carioca, que tem equipe de natação e projetos para a modalidade
São Paulo – O campeão olímpico e mundial Cesar Cielo vai nadar a temporada de 2010 pelo Flamengo. Seus companheiros de treinamento em Auburn, Alabama (EUA), Henrique Barbosa e Nicholas dos Santos, também vão integrar a equipe de natação do clube carioca. Cielo, de 23 anos, tomou a decisão depois do encontro de seu pai e representante, Cesar Cielo, com a presidente do Flamengo, Patrícia Amorim, após conversar com a dirigente por telefone e informar os outros clubes dos quais tinha convite (a mãe, Flávia Cielo, gestora da carreira, está nos Estados Unidos). Cielo agradeceu especialmente ao Pinheiros, onde nadou por sete anos. Termina nesta quarta-feira (31/3) o prazo para que a transferência sem autorização do clube de origem seja feita e os atletas possam participar do Troféu Maria Lenk, de 3 a 9 de maio, em Santos (SP). “Quero que essa mudança seja a mais natural possível. Pesou o fato de a Patrícia Amorim ter sido uma nadadora olímpica no passado, alguém que conhece o esporte. Foi pela experiência que ela tem e a tradição do clube na natação. E pelos projetos legais que eles têm para a modalidade, que talvez eu possa ajudar com minha presença”, afirmou o nadador, confirmando que Henrique e Nicholas serão seus companheiros de clube. “É o trio, estamos juntos”. Todos eram nadadores do Pinheiros, estão treinando no grupo de estrangeiros da Universidade de Auburn e seguem como companheiros na temporada de clubes. Cielo disse que a qualidade técnica de sua preparação não deverá mudar. O brasileiro segue treinando com o australiano Brett Hawke, nos Estados Unidos, até o fim do semestre – sua principal competição no ano será o Pan-Pacífico de Irvine, na Califórnia, de 18 a 22 de agosto. No segundo semestre, voltará ao Brasil e fará parte do treinamento em São Paulo, onde vive, e parte no Rio, no Flamengo, dando continuidade ao ciclo olímpico até Londres/2012. “O Albertinho (Alberto Silva, com quem treina há sete anos e que o orientou até o recorde mundial dos 50 m livre, batido no fim de 2009) é meu técnico e a gente tem até agosto para definir como isso vai ficar. Mas faço questão de que os treinos sejam os que o Albertinho escrever. Hoje ele está no Pinheiros e acho que a saída será eu ter um personal trainer para passar os treinos que o Albertinho definir.” Cielo observou que, no Rio, esse personal poderá ser Marcos Aragão Veiga, o Marcão, que está no Flamengo. Marcão conhece Cielo e trabalhava com Albertinho até a temporada passada. “É um cara cabeça aberta, para frente, e sei que não terei problemas. Quando estiver em São Paulo vamos ver, mas a tendência é ter um personal e nadar numa academia. Poderemos usar algumas piscinas, vamos ver. Temos portas abertas em alguns lugares.” Cielo enfrenta Phelps no GP de Columbus Cesar Cielo segue para Ohio, nesta quarta-feira (31/3), para a disputa do Grand Prix de Columbus, a partir desta quinta-feira e até sábado (1 a 3/4), no McCorkle Aquatic Pavillion. Cielo tinha planejado nadar os 100 m borboleta, mas desistiu da prova por causa da atual fase de preparação, de treinos pesados. “Hoje eu parecia um piano. Acho que vou nadar mesmo só os 50 m e os 100 m livre para dar uma analisada na temporada, como estou me sentindo, minhas condições e o que preciso acertar para o Maria Lenk.” Cielo nada os 50 m livre, na sexta-feira, e os 100 m livre, no sábado, em piscina longa, com eliminatórias pela manhã e finais à noite (o SporTV2 mostra flashes da competição). Cesar Cielo acompanha a evolução dos tempos, no mundo, em suas provas, na temporada, como as seletivas australiana e holandesa. “Achei legal, mas até agora não vi nada de excepcional em termos de tempo. Vamos acompanhar o campeonato francês para ver como fica isso. O que eu vi de melhor até agora foram os 48s52 do Eamon Sullivan. Vamos seguir acompanhando.” A USA Swimming anunciou a presença dos olímpicos Michael Phelps, Eric Shanteau e Chloe Sutton, da seleção norte-americana de natação, em Columbus. O site do GP ainda destaca a participação dos também olímpicos Cullen Jones, Peter Vanderkaay e Kate Ziegler, assim como os medalhistas olímpicos Cesar Cielo e o australiano Markus Rogan. Phelps está inscrito nos 50 m e 100 m livre e poderá nadar contra Cielo. O brasileiro Henrique Barbosa também nadará contra Phelps, nos 100 m peito. Cielo nadou uma única competição na temporada, em Austin, no início de março, e  fez 22s13 nos 50 m livre e 49s13 nos 100 m livre. Cesar Cielo é campeão olímpico nos 50 m livre e medalhista de bronze nos 100 m livre, conquistas obtidas nos Jogos de Pequim/2008; campeão mundial dos 50 m e 100 m livre, com recorde mundial (46s91), em Roma/2009; recordista mundial nos 50 m, com 20s91, marca obtida no Open de Natação, em São Paulo/2009. Cesar Cielo é atleta do Flamengo e tem os patrocínios da Arena, Correios e TNT. Links da competição: http://www.swimnetwork.com/Events/Meets/2010/April/Columbus-Grand.Prix.aspx. http://www.usaswimming.org/USASWeb/_Rainbow/Documents/c1a7a8cb-1164-4819-af6f-e336ed96f5d1/2010%20Columbus%20Grand%20Prix%20Psych%20Sheet.pdf http://www.usaswimming.org/USASWeb/_Rainbow/Documents/231b116e-a98d-42d6-8196-c336207df7d9/2010%20Columbus%20Grand%20Prix.pdf</i>

Cesar Cielo leva mais um prêmio de melhor atleta

O campeão olímpico e mundial bateu Adriano e Ronaldo em votação popular, na festa do Domingão do Faustão
São Paulo – Após os resultados excepcionais da última temporada, Cesar Cielo foi escolhido como o Melhor do Ano de 2009 no esporte na festa do Domingão do Faustão. Cielo estava entre os três indicados, ao lado dos jogadores de futebol Ronaldo, do Corinthians, e Adriano, do Flamengo, e levou o prêmio na votação popular. No ano passado, Cesar Cielo já havia sido indicado à premiação, vencida pelo piloto Felipe Massa. Em Auburn, Alabama, nos Estados Unidos, onde está treinando, Cesar Cielo não compareceu à festa dos melhores do ano, realizada neste domingo (28/3), mas disse estar muito orgulhoso pelo fato “de a natação brasileira ser reconhecida pelo público”. A principal competição de Cielo na temporada será o Pan-Pacífico de Irvine, Califórnia (EUA), em agosto. De quinta-feira à sábado, Cielo disputará o Grand Prix de Columbus, Ohio, preparatório ao Troféu Maria Lenk, no início de maio, em São Paulo. Este ano, Cielo já recebeu outros três prêmios. Foi o vencedor do Troféu Comunidade Ibero-Americana, como o melhor atleta de 2009. A conquista é parte do Prêmio Nacional do Esporte, organizado pelo Conselho Superior de Esportes da Espanha. Na votação, Cielo superou o argentino Lionel Messi, do Barcelona, eleito pela Fifa como o melhor do mundo em 2009. O prêmio será entregue pela família real espanhola em Madri, em data ainda a ser definida. No dia 16 de março, foi anunciado como vencedor da Categoria Olímpicos – Natação do 5º Prêmio Ousiders, da revista Go Outside, especializada em turismo, aventura e esportes ao ar livre. Os atletas homenageados foram os que expandiram os limites dos esportes outdoor e estilo de vida ao ar livre. No dia 17, o nadador foi homenageado com o Prêmio Faz Diferença, do jornal O Globo, ao lado do ex-presidente da Fifa, João Havelange. Segundo o jornal, o prêmio é uma homenagem a “quem mais se destacou no ano e contribuiu para transformar o Brasil num País melhor”. As premiações refletem os bons resultados de Cielo em 2009. No ano, o nadador levou ouro nos 50 m livre e nos 100 m livre, com recorde mundial (46s91), no Mundial de Roma; bateu o recorde mundial dos 50 m livre em dezembro, em São Paulo (20s91). Cielo é campeão olímpico dos 50 m e medlhista de bronze nos 100 m, nos Jogos de Pequim/2008.   Cesar Cielo tem o patrocínio da Arena, Correios e TNT.

Cielo recebe Troféu Comunidade Ibero-Americana

Nadador vence Lionel Messi na disputa do prêmio, organizado pelo Conselho Superior de Esportes da Espanha
Cesar Cielo, campeão olímpico dos 50 metros livre, campeão mundial dos 50 m e 100 m livre e recordista mundial dos 50 m e 100 m livre, foi o vencedor do Troféu Comunidade Ibero-Americana, como o melhor atleta de 2009. A conquista é parte do Prêmio Nacional do Esporte, organizado pelo Conselho Superior de Esportes da Espanha. Na votação, Cielo superou o argentino Lionel Messi, do Barcelona, eleito pela Fifa como o melhor do mundo em 2009. O prêmio será entregue pela família real espanhola em Madri, em data ainda a ser definida. Este ano, Cielo já recebeu dois outros prêmios e ainda concorre a um terceiro. No dia 16 de março, foi anunciado como vencedor da Categoria Olímpicos – Natação do 5º Prêmio Ousiders, da revista Go Outside, especializada em turismo, aventura e esportes ao ar livre. Os atletas homenageados foram os que expandiram os limites dos esportes outdoor e estilo de vida ao ar livre. No dia 17, o nadador foi homenageado com o Prêmio Faz Diferença, do jornal O Globo, ao lado do ex-presidente da Fifa, João Havelange. Segundo o jornal, o prêmio é uma homenagem a “quem mais se destacou no ano e contribuiu para transformar o Brasil num País melhor”. Cesar Cielo poderá encerrar o mês com mais um prêmio. Ao lado dos jogadores Adriano (Flamengo) e Ronaldo (Corinthians), o nadador foi indicado ao Prêmio Melhores do Ano, categoria Esportes, da Rede Globo. O vencedor será anunciado no próximo domingo, dia 28, durante o programa Domingão do Faustão.

Cesar Cielo e Corinthians encerram negociações

O campeão olímpico e mundial segue focado no ciclo olímpico até os Jogos de Londres/2012
São Paulo – O Sport Club Corinthians Paulista e os responsáveis pela carreira do nadador Cesar Cielo conversaram, neste sábado (20/3), e entraram em acordo, decidindo que o atleta não assinará com o clube do Parque São Jorge para esta temporada. Apesar das partes comerciais e estruturais estarem acertadas para a recepção do atleta no Corinthians, Cielo, que vive um ciclo olímpico, preferiu não concluir as negociações para a mudança de sua rotina pessoal e profissional, o que, segundo ele, interferiria em sua carreira no momento. Este motivo fez com que as partes encerrassem as conversas. A família de Cielo agradeceu ao clube pelo interesse e deixou as portas abertas para futuras negociações. Cesar Cielo é campeão olímpico dos 50 m livre e medalhista de bronze nos 100 m livre nos Jogos de Pequim/2008; campeão e recordista mundial dos 50 m livre (20s91) e dos 100 m livre (46s91). Tem o patrocínio da Arena, Correios e TNT.

Cielo encerra GP de Austin com ouro nos 100 m livre

Campeão olímpico venceu a distância em 49s13, melhor marca do ano até agora; ´Brasil 2x0´, comentou, sobre os seus pódios na prova em que nadou contra os americanos
São Paulo – Cesar Cielo encerrou sua participação no Grand Prix de Austin, Texas, neste sábado (6/3), com mais uma medalha de ouro. O campeão mundial e olímpico cravou 49s13 nos 100 metros livre, à frente de Garrett Weber-Gale (49s31) e Matthew Grevers (49s45). O brasileiro Nicholas Santos, um dos companheiros de treinamento de Cielo nos Estados Unidos, ficou com o quinto lugar nos 100 m (50s67). A marca de Cielo é a melhor do ano, até agora, segundo o ranking da Fina. O primeiro lugar era do canadense Brent Hayden com 49s43, marca feita em 12 de fevereiro, no GP de MIssouri. Em Austin, nas eliminatórias da manhã deste sábado dos 100 livre, disputadas em jardas, Cesar Cielo ficou em quarto, com a marca de 43s64. “Viramos o jogo de novo. Fizemos 49″1 e terminamos na frente dos americanos. Brasil 2×0 em Austin”, vibrou Cielo, satisfeito com seu desempenho na competição – os tempos estão compatíveis com sua preparação para esta época do ano. Nos 50 m também tinha ficado em segundo nas eliminatórias e venceu na final. A prioridade de Cielo na temporada é a disputa do Pan-Pacífico de Irvine, Califórnia, em agosto. O calendário de 2010 não tem uma competição importante como Mundial e Olimpíada. Cielo fez uma boa competição em Austin – seu objetivo era testar a atual fase de treinamentos com Brett Hawke, em Auburn. Deixa o Texas – volta a Auburn neste domingo – com dois ouros. Também venceu os 50 m livre (22s13) – embora a Fina ainda não tenha publicado o ranking da temporada na distância, também é o melhor tempo do ano até agora. Cielo ainda fez 47s92 nos 100 costas, em jardas – nadou apenas as eliminatórias como uma série de treino e ficou em quinto na classificação. Agora, o brasileiro nada o GP de Columbus, em Ohio, de 1 a 4 de abril, para ganhar ritmo de competição para o Troféu Maria Lenk, em maio, em Santos. Depois de Ohio, Cielo descansa para a competição nacional. Cesar Cielo é campeão olímpico nos 50 m livre e medalhista de bronze nos 100 m livre nos Jogos de Pequim/2008; campeão e recordista mundial nos 50 m (20s91) e 100 m livre (46s91). Nesta temporada, sua principal competição será o Pan-Pacífico de Irvine, na Califórnia (EUA), em agosto.

Cesar Cielo fecha participação em Austin nadando os 100 livre

Campeão olímpico e mundial ficou com o quinto lugar (47s92) nas eliminatórias dos 100 costas, disputada em jardas, apenas como um treino
São Paulo – Depois de conquistar o ouro nos 50 m livre, com 22s13, na quinta-feira, Cesar Cielo encerra sua participação no Grand Prix de Austin, Texas, neste sábado (6/3). O nadador disputará os 100, estilo livre, com eliminatórias em jardas, pela manhã, e final em metros, à noite. Sem grandes expectativas de tempo, Cielo decidiu usar as provas no meeting texano apenas como treino. “Como comparação, valem  os tempos feitos na temporada universitária em 2008, de sunga. Qualquer 43 segundos nos 100 livre, em jardas, será bom”, disse. Com relação aos tempos em metros, observou que o parâmetro será mundial na temporada que está apenas começando. Pelo ranking de 2010 da Fina, os dois primeiros, em metros, nos 100 livre, são o canadense Brent Hayden, com 49s43 (feito em 12/2), e o alemão Paul Bierdermann, com 49s78 (20/2). Nesta sexta-feira, Cielo voltou à piscina em Austin para as eliminatórias dos 100 metros costas, disputada em jardas. A prova fazia parte de um acordo feito com o técnico Brett Hawke, de nadar pelo menos uma prova por dia, para treinar em ritmo de competição. O nadador ficou com o quinto lugar, cravando 47s92. “Fazer 47s9 nos 100 costas não foi nada mal. É a segunda vez que nado essa prova em jardas e quase fiz meu melhor tempo”, comentou Cielo, que aproveitará o restante do dia para uma sessão de fotos para a italiana Arena, fabricante das bermudas que usará na temporada, marcada pela proibição dos supermaiôs. O melhor tempo nas eliminatórias de Austin foi de Anthony Cox, com 47s21. Cesar Cielo é campeão olímpico nos 50 m livre e medalhista de bronze nos 100 m livre nos Jogos de Pequim/2008; campeão e recordista mundial nos 50 m (20s91) e 100 m livre (46s91). Nesta temporada, sua principal competição será o Pan-Pacífico de Irvine, na Califórnia (EUA), em agosto.

Cesar Cielo vence 50 m livre no Grand Prix de Austin

Na sua primeira competição do ano, campeão olímpico e mundial nada bem e ganha a prova mais rápida da natação no Grand Prix americano do Texas com 22s13
São Paulo – O brasileiro Cesar Cielo venceu sua primeira prova de 2010, nesta noite de quinta-feira (4/3), no Grand Prix de Austin, Texas. Cielo completou os 50 m livre em 22s13, nadando pela Auburn Aquatics. O segundo colocado na prova foi Garrett Weber-Gale, da Longhorn-ST, com 22s24, seguido por Matthew Grevers, da Tucson Ford Deal, com 22s77. O brasileiro Nicholas dos Santos, companheiro de Cielo em  Auburn, foi o primeiro na final B, com o tempo de 23s00. Pela manhã, depois do atraso para chegar na cidade texana por causa do cancelamento de vôos, em função da neve, Cesar Cielo foi o segundo colocado nas eliminatórias dos 50 livre, disputado em jardas. Cielo fez 19s43, atrás de Weber-Gale, com 19s30. As eliminatórias estão sendo disputadas pela manhã, em jardas, e as finais à noite, em piscina de 50 metros. Cielo comentou que havia feito tempo suficiente apenas para se classificar. “Tive uma saída ruim”, disse, observando que corrigiria isso à noite. E corrigiu, trocando de lugar com  Weber-Gale na final. “Falei que eu virava o jogo! 22″1? Poderia ter sido um pouco melhor, mas foi um bom tempo”, disse Cielo, após a vitória. Nesta sexta-feira (5/3), Cielo volta a nadar no GP de Austin, mas apenas as eliminatórias da manhã. Fará uma prova que não é usual: os 100 costas, em jardas. Fez um acordo com o técnico Brett Hawke de nadar pelo menos uma prova por dia, para treinar em ritmo de competição. Neste sábado (6/3), Cesar Cielo vai nadar os 100 livre, com eliminatórias em jardas, pela manhã, e final em metros, à noite. Cesar Cielo é campeão olímpico dos 50 m livre e medalhista de bronze nos 100 m  livre, nos Jogos de Pequim/2008; campeão e recordista mundial nos 50 m livre (20s91) e nos 100 m livre (46s91), em 2009.